O Mautic está disponível na hospedagem Hostnet, no plano Cloud. Devido às características específicas do mesmo, recomenda-se o uso da versão mais atual. Além, o Mautic requer diversas configurações específicas, por ser um sistema grande e bem diferenciado.

Portanto, recomendamos que a instalação seja feita diretamente, e não pelo Instalador de Apps Hostnet. Dessa forma, também é possível com isso usar a última versão disponível do Mautic. Então nesse tópico, iremos explicar como deverá ser feita a configuração inicial, a instalação propriamente dita, a configuração final e como proceder, caso alguns problemas ocorram.

Considerações iniciais

Antes de instalar o Mautic, recomenda-se alguns passos:

  • O Mautic deve ser instalado em um host virtual (vhost) com o SSL ativo. Logo, será necessário fazer esse processo junto ao CDN, e aguardar a validação do certificado. Logo, o site será algo como https://www.exemplo_do_mautic.org.br. Note o HTTPS (seguro), em detrimento do HTTP. Veremos como fazer isto.
  • O Mautic deve ser instalado e executado em um subdomínio à parte do seu site. Por exemplo, se o seu site é https://www.exemplo_do_mautic.org.br., o Mautic poderá estar em https://info.exemplo_do_mautic.org.br.. Recomenda-se que você não o coloque em subdiretórios (como por exemplo https://www.exemplo_do_mautic.org.br/mautic). O motivo é simples: Uma instalação do Mautic pode crescer muito, dado os seus serviços agregados. E com isso, ele deve poder ser migrado com facilidade.

Configuração inicial

Logo, inicialmente iremos preparar o ambiente para instalarmos o Mautic, e essas alterações deverão ser feitas inicialmente via Painel de Controle.

Criação de um novo host virtual

Recomenda-se passar o Mautic para um host virtual, para facilitar caso seja necessário migrá-lo no futuro. Uma ferramenta como o Mautic pode vir esgotar os recursos do seu plano de hospedagem, então se colocarmos em um host virtual, será mais fácil migrá-lo para outro plano, caso seja necessário. Veremos então como criaremos inicialmente o host virtual para o Mautic. Digamos que o seu site chame-se: http://www.comocriarseusite.com.br. O host virtual, a ser usado pelo Mautic e que criaremos será, por exemplo, http://info.comocriarseusite.com.br.

Para fazê-lo, você pode seguir os passos que estão disponíveis na nossa Central de Ajuda, na seguinte URL: https://ajuda.hostnet.com.br/configuracoes-dos-sites/#Como_criar_um_Site_Extra .

Não esqueça de ligar a opção SSL e aguardar a criação dos certificados. Recomenda-se usar o Mautic atrás de um servidor seguro (https).

Configurações do servidor Web

Algumas configurações fazem-se necessárias para que o Mautic possa funcionar corretamente. Você pode fazê-las seguindo os passos que estão disponíveis na nossa Central de Ajuda, em duas URLs.

Apache Options

Inicialmente, veremos as configurações do servidor Web (no nosso caso, o Apache). Acesse a seguinte URL para saber onde configurar: https://ajuda.hostnet.com.br/configuracoes-dos-sites/#Apache_Options .

As opções que deverão ser ligadas são:

  • FollowSymLinks – O servidor seguirá links simbólicos neste diretório (o caminho não é modificado);
  • SymLinksIfOwnerMatch – O servidor somente seguirá links simbólicos se o alvo tiver o mesmo dono;
  • Includes – É permitido o uso de includes no lado do servidor;
  • Indexes – Se não existir um arquivo especificado pela diretiva <DirectoryIndex> no diretório especificado, o servidor formatará automaticamente a listagem ao invés de gerar uma resposta de acesso negado.

As outras opções podem ficar do jeito que estão.

Apache AllowOverride

As configurações podem ser vistas nessa URL: https://ajuda.hostnet.com.br/configuracoes-dos-sites/#Apache_AllowOverride

Vamos às opções que devem ser ligadas:

“AllowOverride”: FileInfo, Indexes, AuthConfig, Limits, Options

  • AuthConfig – Permite o uso de diretivas de autenticação (AuthDBMGroupFile, AuthDBMUserFile, AuthGroupFile, AuthName, AuthType, AuthUserFile, Require, etc.);
  • FileInfo – Permite o uso de diretivas controlando o tipo de documento (AddEncoding, AddLanguage, AddType, DefaultType, ErrorDocument, LanguagePriority, etc.);
  • Indexes – Permite o uso de diretivas controlando a indexação de diretório (AddDescription, AddIcon, AddIconByEncoding, AddIconByType, DefaultIcon, DirectoryIndex, FancyIndexing, HeaderName, IndexIgnore, IndexOptions, ReadmeName, etc.);
  • Limit – Permite o uso de diretivas controlando o acesso ao computador (allow, deny e order);
  • Options – Permite o uso de diretivas controlando características específicas do diretório (Options e XbitHack).

Com isto, o servidor Web estará corretamente configurado para o funcionamento do Mautic.

Criação de um banco de dados para o Mautic

O banco de dados é imprescindível para o funcionamento do Mautic: Será nesse banco de dados em que o sistema irá salvar todas as informações. Logo, teremos que criar esse banco de dados nos servidores da Hostnet. Para tal, você pode seguir os passos descritos na nossa Central de Ajuda, na seguinte URL: https://ajuda.hostnet.com.br/criando-banco-de-dados-mysql/.

Criação de uma conta de e-mail para o Mautic

O Mautic realiza diversas operações de marketing digital via e-mail. Logo, recomenda-se fortemente que haja uma conta de e-mail separado para todo esse tráfego. Não use um e-mail de um usuário já existente para as suas campanhas de marketing.

Outra recomendação é não usar um login como Informações, ou Marketing, por causa da impessoalidade que isto traz. Use então um e-mail em nome de alguma pessoa, e com isso escreva os textos a serem usados de forma mais pessoal. Hoje em dia, é uma forma mais atrativa para quem recebe (os potenciais leads).

A criação de um e-mail se dá a partir do Painel de Controle, e na nossa Central de Ajuda há um documento explicando como isso deve ser feito. Para isto, acesse a seguinte URL: https://ajuda.hostnet.com.br/e-mail/#Como_criar_minha_conta_de_e-mail.

Configurações do CDN

Recomenda-se que o CDN (Content Distribution Network) seja colocado em modo DEV, para funcionar. O modo de desenvolvedor (ou DEV) deve ser usado quando você está fazendo muitas alterações no site. Usa-se principalmente quando o site está em desenvolvimento e você precisa fazer muitos testes. Essa opção faz com que seu site fique sem usar o cache da CDN por 3 horas.

Você então deverá seguir os seguintes passos:

  • No Painel de Controle, clique em Site.
  • Você terá uma lista de opções. Clique em CDN Cloudflare.
  • Você verá 2 seções, Gerenciamento e Planos Cloudflare. Clique no botão Gerenciar, que está disponível abaixo da primeira seção.
  • Você verá logo a opção Modo DEV, na opção Inativo. Clique em Ativo.
  • Clique em Atualizar cache para encerrar a configuração.

Atenção: Não é para pausar o CDN. Se você pausá-lo, o serviço SSL será desativado, e é exatamente o que não queremos.

Instalação do Mautic

Vamos passar à instalação do Mautic. Recomendamos que você faça a instalação a partir do site do Mautic, mas vamos passar aqui a sequência de passos.

Primeiro, você precisa de um emulador de terminal SSH, como o PuTTY ou outra ferramenta. O SSH é um protocolo que permite conexão segura com outros computadores através de uma rede. Todo o tráfego segue criptografado entre a origem e o destino, o que impede roubo de senhas, entre outros tipos de falhas de segurança.

Para saber mais a respeito, acesse na nossa Central de Ajuda a seguinte URL: https://ajuda.hostnet.com.br/ssh/ . Lá você verá as instruções a respeito do PuTTY, e como fazer para acessar a sua hospedagem.

Logo, se você acessou sua hospedagem, estará com uma janela de cor preta, com letras brancas e um cursor piscando. Pronto, você está acessando o console. Portanto, execute os seguintes comandos, na ordem:

wget -l0 https://www.mautic.org/download/latest

unzip latest

rm latest

O primeiro comando (wget) fará com que você baixe do site do Mautic a última versão (latest). Você terá um arquivo compactado contendo o Mautic na sua hospedagem, mas tem que colocá-lo para funcionar. O segundo comando (unzip) descompactará o arquivo que você acabou de receber, e o Mautic estará disponível na sua hospedagem. O terceiro comando (rm) apenas apagará o arquivo compactado.

Dessa forma, o Mautic estará disponível na sua hospedagem.

Configurações adicionais

Após você seguir todos esses passos, você estará apto a configurar o Mautic na sua hospedagem. Acesse sua hospedagem a partir de um navegador, e você verá a seguinte imagem:

Clique em Next Step. Você terá então uma nova página, como a abaixo:

Aqui, você configurará o banco de dados criado para o Mautic usar. Vamos às configurações:

  • Database Host: Aqui você dirá para o Mautic onde está o seu banco de dados. Como estamos usando a hospedagem baseada na URL http://www.comocriarmeusite.com.br, seu banco está em mysql.comocriarmeusite.com.br.
  • Database Name: Nesse campo você deverá declarar qual é o nome do banco de dados. Use o nome que você definiu ao criar o banco de dados, na etapa anterior.
  • Database Username: Preencha aqui com o nome do usuário criado para acessar o banco de dados. E você o criou a partir do Painel de Controle, esse nome é o mesmo usado para o banco de dados.
  • Database Password: Aqui você informará a senha usada para acessar o banco de dados, que você definiu ao criar o banco de dados.
  • Backup Existing Tables: Essa opção existe apenas para realizar uma cópia de segurança das tabelas do banco de dados, caso você esteja usando um banco já existente.

Feito isto, clique em Next Step.

Passaremos à nova página, com uma página como a abaixo:

Nessa página, configuraremos o usuário que administrará o Mautic. Logo, os campos são:

  • Admin Username: Preencha com o login desejado para o administrador.
  • Admin Password: Coloque aqui a senha para o usuário administrador.
  • First Name: Aqui devemos colocar o primeiro nome do administrador.
  • Last Name: O último nome do administrador (sobrenome) deve ser colocado aqui.
  • E-mail Address: Preencha esse campo com o e-mail do usuário administrador. Esse e-mail será usado para eventuais confirmações e recuperações de senha.

Feito isto, clique em Next Step.

A ultima página é para configurarmos como serão enviados os e-mails.

Aqui, você configurará questões relacionadas ao envio dos e-mails, como por exemplo o nome de quem o enviará – Who should the email be sent as? no caso nome e email. Além, tem a forma pela qual o e-mail será enviado e entregue (How should e-mail be spooled and delivered), se o e-mail será enviado diretamente ou irá para a fila de envios (Email handling) e qual é o meio pelo qual ele será enviado (Mailer transport).

Em caso de problemas…

Alguns problemas podem ocorrer no Mautic, mesmo seguindo esses passos à risca. Veremos como resolver alguns deles.

Problemas com o PHP

Caso você tente fazer login no Mautic, e obtenha uma mensagem como a abaixo:

Catchable fatal error: Object of class __PHP_Incomplete_Class could not be converted to string in /home/mkt/www/vendor/symfony/translation/Translator.php on line 209

Você deverá desligar uma opção no Mautic para que a inicialização automática não ocorra. Veremos então como fazê-lo:

  • Acesse sua hospedagem, seja por SSH ou por FTP.
  • Procure o arquivo .user.ini, que está dentro da pasta info do Mautic.
  • Abra-o com um editor de textos, e acrescente a seguinte linha: session.auto_start = Off.
  • Salve o arquivo.

Configurações adicionais

Estas configurações não são fundamentais, mas mesmo assim são recomendáveis, com vistas a facilitar o seu trabalho com o Mautic. Vamos a elas.

Configurações do e-mail de retorno

O e-mail de retorno que está cadastrado no Mautic certamente receberá muitas mensagens, e é fácil se perder com todas elas. Podemos fazer uma configuração simples neste e-mail para separar os e-mails recebidos com mensagens de erro, por exemplo. Vamos à configuração:

  • Acesse seu e-mail criado para receber as mensagens enviadas e recebidas pelo Mautic, e que você criou anteriormente.
  • Você deverá criar uma nova pasta, para onde as mensagens de erro serão enviadas. Logo, ao entrar no Ultramail (webmail da Hostnet), você deverá então clicar em Nova pasta, para criá-la.
  • Você deverá criar um novo filtro, para redirecionar as mensagens para essa nova pasta. Então, clique em Opções e depois, em Regras.
  • Você então criará uma nova regra. Clique em Adicionar nova regra.
  • Dê um nome pra a regra; adicione-a ao menu; coloque que pelo menos uma das condições deve combinar.
  • Crie duas condições:
  • Depois é preciso dizer o que fazer com os e-mails que satisfazem as condições. Então, no campo abaixo, escolha Mover e no seguinte, Mover para, coloque a caixa que você criou.
  • Finalize a configuração ao clicar em Salvar regra.

Você deverá ter algo semelhante a esta página:

Pronto, dessa forma você terá o e-mail corretamente configurado para recebimento de mensagens de erro.

Configurações de agendamento de tarefas

Algumas tarefas podem ser agendadas, para que o servidor as execute de tempos em tempos. Dessa forma, o marketing digital ocorrerá sem que você necessariamente esteja executando todas as tarefas.

Inicialmente, veremos o que será necessário agendar.

  • Atualização das campanhas.
  • Atualização dos segmentos.
  • Envio das campanhas.
  • Envio e recebimento de e-mails.
  • Manutenção do Mautic.
  • Atualização da tabela de geolocalização pelo endereço IP.

Esses agendamentos podem ser feitos a partir do Painel de Controle. Inicialmente, crie uma pasta no e-mail usado para a comunicação do Mautic, para receber as mensagens advindas do agendamento de tarefas.

Feito isto, siga os seguintes passos para criar os agendamentos.

    • No Painel de Controle, clique em Servidor Cloud.
  • Daí, clique em Crontab.
  • Para inserir um novo agendamento, você deverá clicar em Novo comando.

Seguem os agendamentos sugeridos:

5,20,35,50 * * * * mkt php7.0 /home/<login>/app/console mautic:campaigns:update

0,15,30,45 * * * * mkt php7.0 /home/<login>/app/console mautic:segments:update

10,25,40,55 * * * * mkt php7.0 /home/<login>/app/console mautic:campaigns:trigger

4 * * * * mkt php7.0 /home/<login>/app/console mautic:emails:send

22 * * * * mkt php7.0 /home/<login>/app/console mautic:email:fetch

0 4 1 1 * mkt php7.0 /home/<login>/app/console mautic:maintenance:cleanup –days-old=365 –dry-run

0 3 * * 3 mkt php7.0 /home/<login>/app/console mautic:iplookup:download

Os agendamentos são, respectivamente:

  • No 5o, 20o, 35o e 50o minuto de cada hora, o Mautic atualiza as campanhas.
  • No 15o, 30o e 45o minuto de cada hora e na hora cheia, o Mautic atualiza os segmentos.
  • No 10o, 25o, 40o e 55o minuto de cada hora, o Mautic inicia as campanhas que estão agendadas.
  • No 4o minuto de cada hora, o Mautic envia os e-mails que estão pendentes.
  • No 22o minuto de cada hora, o Mautic busca e recebe os e-mails que estão na caixa.
  • Às 4 horas da manhã do primeiro dia do primeiro mês do ano, o Mautic para tudo para realizar uma manutenção preventiva anual.
  • Às 3 horas da manhã do 3o dia do mês, o Mautic atualizará as tabelas de localização geográfica com base no endereço IP usado.

Note que, em todos os caminhos, há um <login>. Esse é o login usado para acessar a sua hospedagem. Substitua pelo seu login.

Configurações adicionais no Mautic

Acessaremos o menu de configuração do Mautic para mais algumas configurações. Primeiro veremos onde acessar as configurações do sistema:

  • Clique no ícone da engrenagem, que está no canto superior direito da pagina.
  • No menu lateral à direita, clique em Configurations.

Você estará então na página de configurações. Veremos algumas que são necessárias. Todas estão na seção System Settings.

  • Na subseção General Settings, procure o campo Site URL. Altere o protocolo, de HTTP para HTTPS. Lembre-se que estamos rodando o Mautic por trás de um servidor com SSL ativado. Logo, é necessário colocar dessa forma para o Mautic.
  • Na subseção Monitored Inbox Settings, procure pelos campos Bounces e Unsubscribe Requests. Nesses campos, podemos fazer com que o Mautic acesse a conta de e-mail que usamos para nossas iniciativas e tome decisões a respeito. No campo Bounces, por exemplo, você declarará qual é a pasta, dentro do seu e-mail, que receberá os e-mails que retornarem (Bounce). Assim, o Mautic monitorará essa caixa, tomando decisões, como por exemplo, excluir e-mails do cadastro caso retornem (os bounces), ou os pedidos de descadastro (os unsubscribe requests).
  • Na subseção Miscellaneous Settings, procure por IP lookup service. Os blocos de endereços IP, tanto na versão 4 (IPv4) ou 6 (IPv6) são segmentados por países, e é possível descobrir o país de origem do usuário, por exemplo, com base no IP. Assim o Mautic pode alimentar o mapa-múndi que foi visto na página inicial. Então, nesse campo você pode escolher o fornecedor da tabela de IPs e sua geolocalização, além de atualizar essa tabela (no botão Update IP Lookup Data Store). No agendamento de tarefas que foi feito em tópicos anteriores, a atualização dessa tabela se dá mensalmente.

Páginas Relacionadas